All for Joomla All for Webmasters

ESTRUTURAS OPERADAS PELA EMAE

São Paulo – SP

>> Barragem do Rio Grande e Usina Elevatória de Pedreira

>> Barragem do Guarapiranga

>> Usina Elevatória São Paulo (antiga Usina Elevatória de Traição)

>> Estrutura de Retiro

>> Dique do Córrego Preto e Sangradouro Preto Monos

São Bernardo do Campo – SP

>> Barragem Reguladora Billings-Pedras e Dique nº7

>> Dique do Marcolino

>> Dique do Passareúva

>> Dique do Cubatão de Cima

>> Dique do Rio Pequeno e Sangradouro Pequeno-Perequê

>> Sangradouro Pedras-Perequê

>> Barragem e Dique do Córrego da Cascata

>> Barragem de Rio das Pedras

Cubatão – SP

>> Usina Henry Borden

 

Santana de Parnaíba – SP

>> Barragem Edgard de Souza

 

Pirapora do Bom Jesus – SP

>> Barragem e Pequena Central Hidrelétrica (PCH) Pirapora

>> Barragem e Usina Hidrelétrica de Rasgão

 

Salto – SP

>>Barragem e Usina Hidrelétrica de Porto Góes

CARACTERÍSTICAS DAS BARRAGENS E ESTRUTURAS DA EMAE

 

Barragem do Rio Grande e Usina Elevatória de Pedreira

A barragem do Rio Grande, localizada na zona sul da cidade de São Paulo, é o barramento principal do Reservatório Billings e, ao longo da estrutura, está instalada a Usina Elevatória de Pedreira. Construída em 1937, sua principal finalidade é bombear as águas do Canal Pinheiros Superior para o Reservatório Billings – Compartimento de Pedreira, através de suas unidades geradoras reversíveis.

 

Barragem do Guarapiranga

A barragem do Guarapiranga é uma estrutura de grande dimensão, construída no ano de 1908, sendo a sua finalidade original atender às necessidades de produção de energia elétrica na antiga usina hidrelétrica de Parnayba. Atualmente, as águas do local são utilizadas para abastecimento público.

 

Usina Elevatória São Paulo (antiga Usina Elevatória de Traição)

A Usina Elevatória São Paulo, antiga Usina Elevatória de Traição, localizada na Vila Olímpia, divide o Canal Pinheiros em dois trechos denominados Canal Pinheiros Superior e Canal Pinheiros Inferior. Essa usina tem como finalidade principal o bombeamento das águas do Canal Pinheiros Inferior para o Canal Pinheiros Superior.

 

Estrutura de Retiro

Estrutura de concreto de média dimensão, localizada no Canal Pinheiros Inferior, na região da confluência dos rios Pinheiros e Tietê. Foi construída no ano de 1942 e remodelada em 1998 para instalação de comportas motorizadas, a fim de tornar as manobras de abertura e fechamento mais rápidas.

 

Dique do Córrego Preto e Sangradouro Preto Monos

O dique do córrego Preto é uma estrutura de grande dimensão, localizada no extremo sul da cidade de São Paulo (região de Parelheiros), construída no ano de 1937, onde está construído o Sangradouro Preto-Monos.

 

Barragem Reguladora Billings-Pedras e Dique nº7

Estrutura de grande dimensão, localizada na cidade de São Bernardo do Campo, construída no ano de 1936. As águas descarregadas pelos vãos das comportas são lançadas no Canal de Ligação Billings-Pedras, acumulando-se depois no Reservatório do Rio das Pedras.

 

Dique do Marcolino

Estrutura de grande dimensão, localizada na cidade de São Bernardo do Campo, construída no ano de 1934. Não possui dispositivo de descarga, tendo sido construída para obstruir as águas quando da formação do Reservatório Billings, sendo remodelada em 1986.

 

Dique do Passareúva

Estrutura de grande dimensão, localizada na cidade de São Bernardo do Campo, construída no ano de 1937. Não possui dispositivo de descarga, tendo sido construída para obstruir as águas quando da formação do Reservatório Billings, sendo remodelada em 1991/1992.

 

Dique do Cubatão de Cima

Estrutura de grande dimensão, localizada na cidade de São Bernardo do Campo, construída no ano de 1935. A remodelação completa dessa estrutura ocorreu em 1991/1992.

 

Dique do Rio Pequeno e Sangradouro Pequeno-Perequê

Estrutura de grande dimensão, localizada na cidade de São Bernardo do Campo, construída no ano de 1937. Nessa estrutura está construído o Sangradouro Pequeno-Perequê.

 

Sangradouro Pedras-Perequê

Estrutura de média dimensão, localizada na cidade de São Bernardo do Campo, construída no ano de 1928.

 

Barragem e Dique do Córrego da Cascata

Estruturas de dimensões médias, localizadas na cidade de São Bernardo do Campo, construídas no ano de 1928. Não possuem dispositivos de descarga, tendo sido construídas para a obstruir as águas para a formação do Reservatório do Rio das Pedras.

 

Barragem de Rio das Pedras

Estrutura de grande dimensão, localizada na cidade de São Bernardo do Campo, concluída no ano de 1926.

 

Usina Hidrelétrica Henry Borden

Usina localizada na cidade de Cubatão com 14 unidades geradoras, sendo que oito unidades se localizam na Usina Externa e 6 unidades na Usina Subterrânea.

 

Barragem Edgard de Souza

Estrutura de grande dimensão, localizada na cidade de Santana de Parnaíba, construída no ano de 1901.

 

Barragem de Pirapora

Estrutura de grande dimensão, localizada na cidade de Pirapora do Bom Jesus, construída no ano de 1956. Possibilita o controle do nível do reservatório de Pirapora.

 

Barragem de Rasgão

Estrutura de média dimensão, localizada na cidade de Pirapora de Bom Jesus, construída no ano de 1925. Possibilita o controle da vazão do Rio Tietê.

 

Barragem de Porto Góes

Estrutura de pequena dimensão, localizada na cidade de Salto, construída no ano de 1928. Possibilita o controle da vazão do Rio Tietê e foi construída no ano de 1928.